Logo USP

facebook

english

español

Dúvidas sobre o mundo veterinário? Costelinha responde

costelinha-site.png

Projeto desenvolvido pelos alunos do Centro Acadêmico Moacyr Rossi Nilsson da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) da USP, “Pergunte ao Costelinha”, tira dúvidas e desmitifica assuntos importantes sobre o universo da Medicina Veterinária. É coordenado pelo departamento de cultura e extensão universitária do centro acadêmico e é uma iniciativa dos alunos, a fim de prover e satisfazer duas das premissas da faculdade: retribuição à sociedade e aprendizagem ao longo do processo.

Trata-se de uma página no Facebook e um blog, criados no final de 2015, para que os interessados possam enviar suas perguntas. Quem responde é o personagem fictício chamado Costelinha, um cãozinho da raça whippet muito esperto e comunicativo. Nas postagens, sempre às terças-feiras à noite, ele usa uma linguagem despojada e de fácil entendimento.

Os temas abordados se referem a curiosidades anatômicas, fisiológicas e comportamentais de animais de companhia e de produção, segurança alimentar, entre outros. Até o momento os assuntos postados são sobre “O frango não toma hormônio”, “Qual cor os cães enxergam”, “Por que os cachorros abanam o rabo”, “Como o mel de abelha é feito”, “Atuação do médico veterinário na inspeção de produtos de origem animal”, entre outros. As respostas são elaboradas pelos alunos participantes do projeto que utilizam conhecimentos teóricos adquiridos nas disciplinas da graduação e são auxiliados por professores, pós-graduandos, mestrandos e outros profissionais da área, de acordo com o tema semanal.  

Para a professora Evelise Oliveira Telles, incentivadora do grupo e presidente da Comissão de Cultura e Extensão da FMVZ/USP, “além de criar laços entre a comunidade FMVZ e a sociedade, o projeto também gera maior interação dos alunos da graduação com os professores e os pós-graduandos,  aprimorando o desenvolvimento de sua vida acadêmica”.

O grupo atualmente é formado pelos alunos Arthur R. da Costa, Chalana Oliveira, Gabriela Dablan, Murilo Bassoti, Lygia Guidi Galvão e Rafaella Carnevale. Dois deles são bolsistas da área de Cultura e Extensão da USP.